quarta-feira, 28 de setembro de 2011

do aviso à navegação


Acabei de adquirir um Rolls Royce para a cozinha.
Não.
Não é uma Bimby, é um micro-ondas novo, porque o anterior (já um Rolls Royce à época) encostou ao fim de quase quinze anos de serviço ininterrupto.
Mas o aviso à navegação é outro: custou menos 12,5% na D Helena, na Mealhada (encomendou à Whirlpool porque nem sabia que existiam micro-ondas que cozem a vapor) do que custava no Media Markt de Aveiro.
Muita atenção.
Porque nestas alturas de crise não podemos ser parvos.

2 comentários:

  1. Que história é essa de cozinhar a vapor no micro-ondas?
    Já agora...

    ResponderEliminar
  2. Ainda estou a estudar as instruções do bicho.

    ResponderEliminar